Escolas bilíngues transformam alunos em cidadãos do mundo

Crédito: Divulgação


Oferecer um segundo idioma como ferramenta de aprendizagem de comunicação é o grande diferencial das escolas bilíngues. Sem dados oficiais sobre o número de instituições de ensino nessa categoria, a Organização das Escolas Bilíngues de São Paulo (OEBI) estima que existem hoje, no Brasil, aproximadamente 200 estabelecimentos deste tipo. O Paraná se destaca como um estado que disponibiliza educação bilíngue de qualidade, alia conteúdo a vivências significativas e estabelece contato natural e contextualizado com diferentes culturas, ampliando a percepção de mundo dos alunos.

​“A grande vantagem das escolas bilíngues é oferecer ao aluno a oportunidade de manter duas línguas sempre ativas”, destaca o professor Celso Hartmann, diretor-geral do Colégio Positivo. “Os alunos contam com alfabetização na língua portuguesa, além da construção espontânea do vocabulário em inglês”, completa. Segundo ele, a proposta é oferecer, de forma natural e espontânea, o aprendizado da língua inglesa a partir das primeiras fases escolares. O Colégio Positivo oferece o Ensino Fundamental I bilíngue, em período integral, nas unidades Jardim Ambiental e Júnior.

Para atender uma demanda cada vez maior pelo ensino bilíngue, em 2013, o Grupo Positivo inaugurou o Colégio Internacional, com proposta de ensino em português e em inglês. Por meio de uma formação multicultural, os alunos são incentivados a agir como cidadãos do mundo. “O aprendizado internacional contempla atividades que envolvem contextos locais e globais conectando as diversas culturas dos países. Dessa forma, os alunos vivenciam novas realidades e desenvolvem valores universais, tornando-se capazes de fazer a diferença em qualquer lugar do mundo”, garante Hartmann. Segundo o diretor, as atividades culturais e esportivas, projetos pedagógicos e demais rotinas são conduzidas também no segundo idioma.

Ferramenta para o futuro

A metodologia utilizada pelo Colégio Positivo, o PES – Positivo English Solution, foi desenvolvida pela Editora Positivo, em parceria com a National Geographic Learning, editora americana de prestígio global, para promover e aprimorar o ensino de uma segunda língua, com validação internacional da Universidade de Cambridge.

De acordo com o professor Luiz Fernando Schibelbain, diretor da PES School e do Projeto Positivo English Solution da Editora Positivo, o ensino bilíngue se difere dos cursos de línguas porque ensina as quatro habilidades – fala, compreensão, leitura e escrita – utilizando o contexto escolar e o currículo das diversas disciplinas ofertadas ao longo da vida estudantil. “O PES proporciona uma abordagem natural e comunicativa, na qual os alunos adquirem a fala, compreensão, leitura e escrita na língua inglesa ao longo de sua vida escolar e podem ampliar esse aprendizado para outras áreas do conhecimento”, salienta. Assim, os alunos tornam-se cidadãos bilíngues, aptos a utilizar o inglês em situações de lazer, acadêmicas e profissionais.

Histórico do PES

Durante anos, o Colégio Positivo Júnior ofereceu o curso de inglês nos contraturnos para alunos que tinham interesse em estudar o idioma dentro do colégio. A partir de 2007, o curso foi inserido na matriz curricular. Em 2010, o Colégio Positivo se tornou centro autorizado dos exames de Cambridge English. Em 2011, os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental II que frequentaram os 4 anos de inglês intracurricular na PES School dos Colégios Positivo Júnior e Jardim Ambiental prestaram os exames de Cambridge English KET e PET, com 100% de aprovação.

Esse marco na história do inglês do Colégio Positivo demonstrou às comunidades interna e externa que inglês, de fato, se aprende na escola. Em 2012, a Editora Positivo, observando o sucesso da iniciativa, decidiu criar o departamento PES – Positivo English Solution e ofertar o programa a escolas em todo o território brasileiro. Atualmente, o PES possui mais de 25 mil alunos nas quase 130 escolas onde atua, em todo o Brasil.

Segundo Schibelbain, a validação internacional de Cambridge English oferece às famílias a certeza de que o padrão de ensino está de acordo com as exigências mundiais. Os alunos que aprendem por meio da metodologia podem tranquilamente continuar seus estudos em qualquer escola bilíngue ou de idiomas ao redor do mundo, além do fato de a certificação Cambridge English agregar valor ao currículo dos estudantes.

A Editora Positivo atua como parceiro educacional também no ensino do inglês por meio do fornecimento de pessoal capacitado e infraestrutura para entregar os serviços eficazes e de qualidade. “Nosso objetivo é tornar o inglês a língua franca das escolas, fortalecendo essa disciplina e tornando os alunos bilíngues. A partir da aquisição de uma segunda língua, sendo o português a primeira, o aprendizado de outros idiomas é facilitado pelas estratégias mentais geradas por aquele conhecimento”, finaliza Schibelbain.​

Sobre o Colégio Positivo

O Colégio Positivo compreende cinco unidades na cidade de Curitiba, nas quais nasceu e se desenvolveu o modelo de ensino levado a todo o país e ao exterior. O Colégio Positivo Júnior, o Colégio Positivo – Jardim Ambiental, o Colégio Positivo – Ângelo Sampaio e o Colégio Positivo Hauer atendem alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio, sempre combinando tecnologia aplicada à educação, material didático atualizado e professores qualificados, com o compromisso de formar cidadãos conscientes e solidários. Os alunos têm à sua disposição atividades complementares esportivas e culturais, assim como aulas de Língua Inglesa diferenciadas. Em 2013, foi lançado o Colégio Positivo Internacional, que atende alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental e 1ª série do Ensino Médio, com uma proposta de aprendizado internacional. Em 2016, foram incorporadas ao Grupo duas novas unidades do Colégio Positivo Joinville, em Santa Catarina.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*