ENTREVISTA COM MARINHO SILVA CANDIDATO À PREFEITURA DE SJP

EM FOCO A CULTURA EM SÃO JOSÉ DOS PINHAIS

Marinho Silva
Crédito: Divulgação/Foto enviado pelo fotografado

Coluna KV – Arte Cultura e Entretenimento

MINIBIOGRAFIA

Marinho Silva passou pelas três duríssimas fases do processo seletivo interno do NOVO e foi o escolhido para ser o candidato, já homologado em Convenção Municipal em 2020, à Prefeito de São José dos Pinhais. MARINHO SILVA tem 50 anos. Formado em Direito há 25 anos. Pai da Isabelle e Nicolle. Possui especialização em Direito Empresarial, especialização em Gestão e Liderança Política, e mestrado em Direito Constitucional. Professor universitário há mais de 15 anos. Coordenador do curso de Direito há mais de 8 anos. Fundador de ONG e incentivador da adoção há mais de 12 anos. Ocupou vários cargos e chegou a Vice Presidência na OAB SJP. Foi Diretor Jurídico e Coordenador da Câmara Setorial dos Advogados da Associação Comercial. Foi Secretário de Administração/RH e Procurador Geral do município de SJP. Concorreu com mais de 33 mil interessados, de todo o Brasil, em fazer RenovaBr (escola de líderes políticos), ficou entre os escolhidos e se formou na maior e melhor escola de políticos do país.

1. KATIA VELO – Qual ação cultural que atualmente está sendo realizada na cidade de São José dos Pinhais que deverá ser mantida.

MARINHO SILVA – Todas as ações culturais, que atendam os interesse da comunidade, devem ser mantidas. Não utilizaremos da ferramenta de “terra arrasada” e acabar com bons projetos só pelo fato de ter sido iniciado em gestões anteriores.

2. KV – Cite uma frase, filme, peça de teatro, música, livro, série que lhe inspiraram.

MS – Gostei muito do Livro MINHA HISTORIA de Michelle Obama, onde consta a sua vida e do Presidente Obama desde sua infância e também os bastidores da política nos EUA e por fim o desligamento do Presidente do poder e a volta as suas raízes. Inspiração pela história de superação, adversidades (em razão de serem negros e terem o desafio de se destacarem pelos estudos) e a humildade de voltar as suas bases.

3. KV – Como será a atuação da sua Secretaria da Cultura.

MS – Os cidadãos devem ter liberdade de acesso e diversas opções de práticas culturais. Não cabe ao Prefeito dizer o que é ou não é cultural. Mas sim, dar apoio e estimular atividades culturais, sobretudo as que desenvolvam a economia e o empreendedorismo.
São José dos Pinhais, através da Secretaria de Cultura, possui um Plano Municipal de Cultura, porém, pouco ou nada do que prevê foi feito.

(http://www.sjp.pr.gov.br/wp-content/uploads/2018/05/PLANO-MUNICIPAL-DE-CULTURA-jul-2017.pdf)

No que se refere à administração do orçamento destinado à SEMUC, percebemos que assim como a maioria das cidades, Estados e União, o gasto é pesado com custeio e pessoal o que impede os investimentos e a realização de atividades de fomento.

 Pretendemos:

– Incentivar a cena artística, musical e cultural local;

– Participar de projetos Estaduais e Federais de transferência de verbas à Cultura;

– Uso Racional e ético da Lei Rouanet.

Sobre a Coluna KV
A Coluna virtual KV assinada por Katia Velo foi criada pelo GuiaSJP, o Portal da cidade de São José dos Pinhais. 
Há 15 anos a coluna dá visibilidade a assuntos referentes à Arte, cultura, educação, moda, entretenimento e muito mais com foco na capital paranaense, São José dos Pinhais e Região Metropolitana, destacando também notícias nacionais e internacionais. O site é acessado por um público seleto, formadores de opinião, críticos e que buscam bom gosto, sofisticação, estilo e informação diferenciada.

Sobre Katia Velo
Professora de arte, colunista e consultora cultural, artista plástica, ensaísta, fotógrafa. Especialista em História da Arte Moderna e Contemporânea pela EMBAP; Bacharel e Licenciada em Letras – Faculdade Anhembi/Morumbi, Cursos de Especialização na área de educação na USP. Registrada no MEC 182.765. Expôs individual e coletivamente no Brasil, Argentina, Alemanha, Áustria, Estados Unidos, Espanha, França e Polônia, ECAV no Memorial de Curitiba, exposição itinerante, ODS&Arte/ONU, Agenda 2030 no MON e Banco Mundial em Washington/DC e 14ª. Bienal de Curitiba. Cadastro de Artista de São José dos Pinhais, no. 2109. É diretora de comunicação da APAP/PR desde 2007, atuando como voluntária. Criadora e idealizadora do Projeto #doeumaflor em sua 6ª. edição. Assina colunas culturais: virtual www.katiavelo.com.br e impressa Jornal Folha da Mulher SJP. Site www.katiaveloarte.com.br

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*